Recurso que poderiam ser gastos no Carnaval está sendo utilizados para minimizar os efeitos da estiagem junto à população e em obras.

Recurso que poderiam ser gastos no Carnaval está sendo utilizados para minimizar os efeitos da estiagem junto à população e em obras.

IMG_4851

O prefeito de Guamaré Hélio Miranda está ciente e decidiu junto a sua assessoria jurídica atender a recomendação conjunta do Ministério Público e do Tribunal de Contas do Estado. O município foi incluída em situação de emergência devido à seca. O TCE e o MP recomendou a prefeitura de Guamaré para que não realizasse o carnaval, festa tradicional.

Guamaré têm mais de 60% de zona rural, e em virtude da estiagem que atingiu a região do Vale do Açu desde o inicio de 2012. Além disso, o prefeito foi orientado, a destinar todos os recursos que poderiam ser utilizados no Carnaval para minimizar os efeitos da estiagem junto à população.

Os recursos que poderiam ser gastos no Carnaval deste ano no município estão sendo utilizados para minimizar os efeitos da estiagem junto à população e em obras. Como por exemplo, recentemente a prefeitura iniciou mais um canteiro de obras na cidade. Trata-se da construção de 254 casas populares próximo a RN 401, especificamente na entrada da cidade.

Outra obra que não se mede, foi a inauguração do Centro Cirúrgico do Hospital Maternidade Manoel Lucas de Miranda, tornando o município uma referência em procedimentos de alta complexidade no Alto Oeste potiguar.

A Prefeitura através da secretaria de Agricultura inaugurou o dessanilizador  na comunidade de Baixa do Meio. O equipamento tem uma vazão de 18 mil litro de água potável por hora, no qual atende a uma população de 4 mil habitantes.

O equipamento instalado retira o sal da água e a torna própria para o consumo, como uma conquista importante para a comunidade. Principalmente no período em que o município sofre com a maior seca dos últimos cinquenta anos.

IMG_4078

NOTA DO BLOG: Sem grandes investimentos para o carnaval, como nos anos anteriores, a prefeitura de Guamaré reinventa a maneira de brincar o carnaval, a prova disso  é que para atrair multidões não é preciso contratar trios e bandas famosas, precisa apenas de boas ideias e organização.

Os foliões literalmente não saíra atrás dos trios elétricos neste ano, apenas os paredões e os 39 blocos estão animarão os cinco dias de festa, com muita animação e mela-mela, a maior prova da festa do povo e para o povo, foi dada uma prova plausível ontem a noite com uma multidão nas ruas de Guamaré.

Facebook
Twitter
Instagram
WhatsApp